0

Viajar com crianças


Com a chegada do verão começamos a pensar nas merecidas férias e muitas são as vezes em que a ideia de viajar com bebés ou crianças acaba por levantar dúvidas e receios quando se pensa na logística da viagem. 

Aqui ficam algumas dicas que podem ajudar a organizar a viagem e minimizar o stress: 

- Antes de decidir viajar o melhor será consultar o Pediatra que lhe dirá se o seu filho está apto a viajar e qual a medicação que deve levar. Saiba que um bebé pode viajar de avião depois de completar uma semana de vida, sendo que algumas companhias aéreas só o permitem com duas semanas, a menos que tenha uma autorização médica. 

- Depois de ter o ok do Pediatra, marque uma consulta de viajante (pode fazer esta consulta por telemedicina evitando uma deslocação de toda a família, basta ter internet e a consulta pode ocorrer em casa ou noutro lugar que lhe dê jeito. A consulta é mais económica e se no decorrer da viagem surgir alguma dúvida a mesma pode ser tirada por mail o que também é uma mais valia). 

- Faça um seguro de saúde de viagem para ficar descansada caso necessite de recorrer a algum médico no destino. 

- Se tiver oportunidade de escolha, opte por voos noturnos que à partida é mais fácil que os bebés ou crianças durmam na maior parte do voo. 

- Algumas companhias aéreas oferecem a possibilidade de adquirir um berço para bebés no caso de voos longos. O mesmo deve ser requisitado do check in sem qualquer custo. Geralmente o berço dá para bebés até aos 11 kgs. Confirme estas informações com a companhia aérea pela qual vai viajar. 

- Na hora de fazer a mala lembre-se que normalmente usamos metade da roupa que levamos por isso leve o essencial e pode sempre levar num frasco pequeno algum detergente para lavar uma outra peça de roupa que lhe faça falta. Para férias de longa duração ou em que tenha que trocar várias vezes de hotel pode organizar a roupa de cada elemento da família em pequenos sacos com cores. Assim evita ter que desfazer a mala toda para procurar uma peça de roupa. Por exemplo a roupa da mãe é colocada em 2 sacos amarelos (um com partes de cima outro com partes de baixo) assim ao abrir a mala vai diretamente aos sacos amarelos ficando o resto da mala arrumada. Escolha cores diferentes para cada elemento da família. Coloque toda a medicação junto das receitas médicas num saco de cor única. 

- Se a viagem for de longa duração e se o seu filho tiver alguma restrição alimentar (quer por indicação médica ou por opção da família) opte por levar a varinha mágica. No limite pões a carne ou peixe na sopa e tritura (se for para hotéis onde a alimentação é feita nos mesmos, não precisa pois basta pedir no restaurante do hotel que triturem). 

- Fraldas, leite e papa encontram-se com muita facilidade em qualquer destino. Se a viagem for de curta duração leve para o total da estadia. Se for longa opte por levar para os primeiros dias e vai comprando conforme necessita.

- Leve uma muda de roupa na bagagem de mão para que possa ajustar a temperatura do bebé/criança à sua necessidade e para algum incidente que possa surgir. 

- Na mala de mão leve também um termómetro e paracetamol (supositório é mais fácil) para a eventualidade de surgir febre, não ter que esperar pelo fim do voo e recolha de bagagem para baixar a temperatura. 

- Para aliviar a pressão dos ouvidos é importante a sucção, mastigação e deglutição. Ofereça ao seu bebé a chucha, o biberão, ou recorra à amamentação (de acordo com a pratica de cada um), na descolagem e na aterragem. Aos mais crescidos pode oferecer algum snack como bolachas, pipocas ou frutos secos por exemplo. 

- Para entreter os bebés ou crianças, leve 2 ou 3 brinquedos novos para eles explorarem durante o voo. Plasticina, livros para pintar, vídeos com musicas ou filmes no seu telemóvel ou ipad são alguns exemplos que normalmente resultam bem. Snacks também ajudam a passar o tempo. 

- Relaxe! Vai de férias por isso não se preocupe excessivamente com o facto dos seus filhos fazerem barulho durante o voo. Desvalorize a antipatia dos passageiros mal humorados perante a presença de crianças barulhentas no avião. Pense que para eles é apenas um voo de barulho e confusão mas que lhes espera uma semana de férias silenciosas, já para si, é o inicio de uma semana de gritos, balburdia e birras, num paraíso qualquer!!! 

Aproveite cada segundo em família e desfrutem de tudo o que o mundo tem para vos dar. Boas férias.