0

Primeiros Socorros | Queimaduras da Pele


As Mães também têm de ser Enfermeiras e há conhecimentos básicos que todas devemos ter, hoje partilhamos convosco o que fazer em caso de queimaduras da pele (com água a ferver ou fogo).     Não esquecendo que, maior parte das queimaduras, o passo mais importante é arrefecer rapidamente a pele. A gravidade da queimadura vai depender sempre da zona atingida e da extensão de pele queimada e, em casa de dúvida, deverá sempre dirigir-se a um serviço de saúde. Salientamos ainda a necessidade de avaliar cuidadosamente a evolução da queimadura e recorrer a um serviço de saúde se houver alguma outra queixa ou sintoma. 

Salientamos que existem vários graus de queimaduras, distinguindo-se pela sua gravidade, as de 2º e 3º grau e os cuidados podem ser diferentes, especialmente nas de 3º grau que devem ser avaliadas o mais rápido possível por um médico/profissional de saúde, assim como queimaduras a nível da face e/ou mucosas.

O que fazer em caso de queimaduras de 1º grau e 2º grau:  
  1. Arrefecer a pele queimada com soro fisiológico, água ou até gelo  
  2. Se queimadura com água a ferver por cima de roupa, esta deve tirar-se rapidamente  
  3. Não aplique qualquer produto como óleo, azeite ou manteiga ou qualquer solução alcoólica  
  4. Aplique uma pomada hidratante ou cicatrizante para queimaduras (biafine, por exemplo), sendo que a maior parte destas queimaduras poderá ser tratada como uma ferida normal.  
  5. Coloque uma gaze humedecida nas primeiras 48h. Em caso de agravamento, com aparecimento de sinais inflamatórios (aumento da dor, pele muito vermelha e quente, deverá ser avaliada num serviço de saúde)  
  6. Não rebentar as flictenas (as conhecidas bolhas) ou qualquer tecido que tenha ficado agarrado à queimadura     
* Artigo revisto por Carla Leocádio, Enfermeira Especialista em Enfermagem Médico-Cirúrgica no Serviço de Urgência do Centro Hospitalar de Setúbal.