0

A ligação entre irmãos


Confesso, são tantas as vezes em que olho para a Matilde e penso que ela irá ser filha única... Ainda me lembro demasiado bem das dores! Não do parto, mas do toque... e sinceramente não me apetece passar outra vez pelo mesmo. Sem contar que sinto que tive tanta sorte com o comportamento da Matilde (até agora), que não sei se teria forças para "aguentar" um comportamento demasiado acelerado. Os bebés requerem muita atenção e é nosso dever enquanto pais focarmos toda, ou quase toda vá, a nossa energia neles e não sei mesmo se daqui a uns anos esta minha energia ainda estará presente. Mas depois, olho para a minha irmã e para a relação que temos mesmo com 11 anos de diferença e já não tenho tanta certeza. É uma ligação quase que mágica, algo inexplicável. Ela sabe tudo sobre mim, eu sei tudo sobre ela, é a primeira (ou segunda dependendo da distância do maridão) a saber de qualquer coisa que se passe comigo, é a confidente, a que me percebe e principalmente a que me atura...e aí penso...quero que um dia a Matilde sinta este tipo de ligação com um irmão! A ver vamos, daqui a uns bons aninhos!

Artigo originalmente publicado em www.theoofdiary.com