0

Que espécie de mãe és tu?

O (nosso) mundo animal, está repleto de mães exemplares. Põe-te à prova e descobre com que espécie mais te identificas. 

Mãe Galinha | Passas a vida a ouvir que és tão "mãe-galinha", o que só pode significar que gostas de ter os teus pintainhos debaixo d'asa. És super-protetora, mas o teu verdadeiro superpoder é a comunicação! Precisas de estar em cima do acontecimento e receber feedbacks constantes dos teus pequenos, para que a tua frenética vida se mantenha harmoniosa.

Mãe Elefante | Sociável e amorosa, és uma mãe que confia. A família é o centro do teu mundo. Avós, tias e amigas constituem a tua forte rede de suporte. Criar com apego, o teu fofinho paquiderme, é encarado por ti como uma missão coletiva, onde toda a ajuda é bem-vinda. Defendes os teus, mas tens tamanha sensibilidade na tromba que repartes carinho e cuidado a todos os que te são chegados.

Mãe Coruja | Boa ouvinte, detectas uma mentira a milhas de distância. Conheces os teus filhotes melhor do que ninguém, e aos teus olhos são os seres mais perfeitos e lindos que existem. A tua capacidade de olhar em todas as direções permite-te ser uma mãe zelosa, que protege a sua ninhada em todas as situações. Sabedoria e experiência são as tuas armas secretas.

Mãe Leoa | Garra, força e coragem são as palavras que te definem. És uma verdadeira guerreira e defendes a tua cria com unhas e dentes. És capaz de te sacrificar para permitir a segurança e o bem-estar das tuas crias. Trabalhas arduamente para assegurar as necessidades básicas da tua prole, mas são os momentos de aprendizagem e brincadeira que te "fazem babar".

Mãe canguru | A tua relação com a maternidade começa com três palavras mágicas: mimo, mama, colo. Saltas bem alto, por cima dos comentários de quem não percebe a necessidade/utilidade de se carregar a cria bem perto do coração. Ficas nostálgica só de pensar nesses momentos de cumplicidade entre ti e as tuas crias. Tens o dom de cuidar para também o de saber largar! A sensibilidade é o teu ponto forte. 

Mãe humana | És, talvez, a mãe mais feroz de todas. A tua resiliência e inteligência emocional, permitem-te agir perante as ameaças e sobreviver aos desafios que a selva da maternidade te impõe. És um ser mutante, com o místico superpoder de te transformares e de adquirires muitas das capacidades das espécies anteriores, sempre que necessário.
Desejas, geras, nutres, cuidas, proteges e amas de uma maneira única e especial: a tua! Segues o teu instinto mais natural e puro! E esse vínculo mãe-cria dura para sempre!

[Observações: 1) Qualquer semelhança com os resultados dos típicos testes das revistas "teen" é mera coincidência.  2) A maioria das características associadas às diferentes espécies baseiam-se em factos reais da biologia da mesma, ainda que algumas sejam fonte da sabedoria popular, tão especialista em "classificar mães"!]

Artigo originalmente publicado em https://blogwildlove.wordpress.com